Blog
Segmentos
Sociedades Anônimas: Empresas S/A Sociedades Anônimas: Empresas S/A
Sociedades Anônimas: Empresas S/A
Empresas LTDA Empresas LTDA
Empresas LTDA
Órgãos Públicos Órgãos Públicos
Órgãos Públicos
Advogados e Procuradores Advogados e Procuradores
Advogados e Procuradores
Sindicatos, Federações e Confederações Sindicatos, Federações e Confederações
Sindicatos, Federações e Confederações
Mais segmentos Mais segmentos
Todos os segmentos

Dicas para superar o nervosismo e medo de falar em público

- - Cultura
Dicas para superar o nervosismo e medo de falar em público

Certamente você já falou ou ouviu alguém falar: “Eu tenho medo de falar em público” ou “Eu não levo jeito para falar em público,  fico muito nervoso quando tenho que enfrentar uma plateia”. Esta é uma situação muito comum. Antes de falarmos em público e nos minutos iniciais de nossa fala sempre bate um nervosismo.

Na maioria das vezes, isto não é percebido pelo público com a mesma intensidade com que ocorre na cabeça do palestrante. Mas às vezes, nosso corpo pode sim denunciar a nossa tensão.

Quando isto acontece, todos observam as manifestações corporais de ansiedade, menos quem fala, afinal é o orador quem vai viver esse drama de não saber o que acontece com seu corpo no momento em que expõe suas ideias.

Cena do filme "O DISCURSO DO REI"

*Cena do filme “O DISCURSO DO REI” (2010), onde o novo rei, em pânico, tenta fazer um pronunciamento.

Como esse nervosismo pode se manifestar em meu corpo enquanto falo?

Mãos suando, coração acelerado, um leve tremor nas pernas… nem sempre são observados pelos seus espectadores. Mas outros sinais corporais de nervosismo são mais aparentes e facilmente captados pela plateia:

  • Olhar rápido e perdido para cada um dos ouvintes;
  • Esfregar, apertar ou movimentar as mãos sem sentido;
  • Balançar constantemente as pernas ou o corpo;
  • Tremer a voz.

Tudo isso pode ser percebido pelo ouvinte. Mas, se acalme! Todos nós estamos fadados a ficarmos nervosos antes de falar em público e com mais intensidade ainda ao falarmos para um público novo, em um local desconhecido, em um evento importante e sobre um tema que, às vezes, não temos um domínio absoluto.

Medo de falar em público - Frame do filme "O DISCURSO DO REI"

*Em “O DISCURSO DO REI”, o personagem de Colin Firth busca ajuda profissional para superar sua gagueira e o medo de falar em público.

A melhor atitude nessa hora é saber esperar pelo nervosismo!

  • Vista-se confortavelmente;
  • Memorize os principais tópicos da sua fala (e se preciso, deixe uma “cola” à mão, para evitar os temidos “brancos”);
  • Respire calmamente por alguns segundos antes de iniciar a sua apresentação;
  • Aprenda a dominar seu corpo ao se expressar e saiba que o início é sempre mais difícil, como em tudo na vida. Mas, ainda bem, nada é feito só de início. Teremos também o meio e o fim de nossa fala, nos quais estaremos mais à vontade, confiantes e com maiores possibilidades de conquistar nosso público.

Comece agora mesmo a encarar o desafio de controlar o nervosismo e dê um passo à frente sem medo! Leia outras de nossas dicas de oratória para melhorar a sua comunicação e se dar bem em um discurso ou apresentação.

*Imagens de divulgação/ Paris Filmes
[Adaptação do texto de autoria do fonoaudiólogo Rodrigo Moreira (Falar Melhor) escrito com exclusividade para a Agência W&M Publicidade]